Home > newsletter, Notícias > Baixa pressão dos pneus gera poluição

Baixa pressão dos pneus gera poluição

Baixa pressão dos pneus gera poluição

Revisões gratuitas realizadas pela Bridgestone em 6.240 veículos em seis países da América Latina (Argentina, Brasil, Chile, Costa Rica, México e Venezuela) demonstraram que um em cada seis motoristas dirige com a pressão dos pneus abaixo do recomendado. O descuido coloca em risco a segurança e gera poluição extra ao meio ambiente.

A pesquisa aponta ainda que a cada ano os motoristas desperdiçam 660 milhões de litros de combustível, o equivalente a US$ 645 milhões. Esses números refletem na emissão excedente de 1,552 milhões de quilos de gás carbônico na atmosfera.

A baixa pressão também causa efeito negativo na durabilidade dos pneus, já que exige trabalho extra da banda de rodagem e causa a flexão excessiva das paredes laterais. Esses dois fatores juntos causam falha nos pneus. O resultado é um efeito dominó: pneus com baixa pressão causam maior resistência ao rolamento, o que aumenta o consumo de combustível e a emissão de CO2.

A pesquisa faz parte da campanha “Torne Seu Carro Ecológico”, um programa global da Bridgestone em conjunto com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA). O trabalho, iniciado em 2008, tem como objetivo reduzir o impacto gerado pelos veículos no meio ambiente

newsletter, Notícias

..